Notícias

Adesão às boas práticas ambientais, sociais e de governança podem beneficiar o Comércio Exterior

Dia Mundial do Meio Ambiente

Hoje é o Dia Mundial do Meio Ambiente e é importante entender como o tema se relaciona com o setor.

Em abril deste ano, a Cúpula do Clima, evento que tem como objetivo discutir as ações de preservação ambiental, teve como uma das pautas centrais a relação do Brasil com medidas a preservação ambiental.

De acordo com especialistas presentes no evento, empresas responsáveis vão ter problemas em comprar produtos brasileiros ligados ao desmatamento. Sem metas claras, o comércio exterior pode fechar para o Brasil em um futuro próximo.

Os exportadores deverão fazer mudanças e adaptações em suas operações para lidar com as demandas de compradores e consumidores, assim como comprovar conduta empresarial responsável, ou optar por correr o risco de exclusão nos grandes mercados globais.

De acordo com o relatório “Novas Barreiras e Tendências no Comércio Internacional” da Confederação Nacional da Indústria (CNI), existem 6 barreiras que as empresas do setor devem olhar para se manterem competitivas no mercado:

  • Padrões privados de sustentabilidade;
  • Exigências governamentais criadas sob justificativa de melhorar o uso de recursos naturais e reduzir a poluição no meio ambiente ou garantir;
  • Sustentabilidade social;
  • Segurança de alimentos;
  • Mudanças climáticas;
  • Novas barreiras de reputação.

Segundo o estudo, cerca de 22% das exportações brasileiras podem ser afetadas anualmente por barreiras de ESG do comércio internacional.

Com o atual de cenário de pandemia, a tendência é que essas novas diretrizes se intensifiquem. Além de assegurar que as empresas sejam protegidas com tarifas de importação contra a concorrência internacional, as medidas também visam proteger a população contra diferentes riscos. Uma das alternativas, é o aumento dos freios em importações por precaução.

Por isso, se antecipar ao mercado e ter políticas consistentes para atender as questões ambientais, sociais e de governança são urgentes para as empresas.

Colaborar com o meio ambiente, não é só o melhor caminho, como também será o meio para crescer em um mercado tão competitivo. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *